home / Cursos / Graduação / Fisioterapia / Informações sobre o curso
Informações sobre o curso
07/03/2017

CH: 4840h – Noturno. Integralização: mínimo 5 (cinco) anos letivos e máximo 7 (sete) anos letivos Resolução CONSEPE nº 52/2012 (seriado semestral). Fisioterapeuta é o profissional habilitado com curso superior específico oficialmente reconhecido de acordo com o decreto-lei Nº 938 de 13 de outubro de 1969. Cabe ao fisioterapeuta tratar e/ou prevenir perturbações do funcionamento músculo-esquelético, cardiovascular, respiratório e neurológico, atuando igualmente no domínio da saúde física em diferentes áreas clínicas. Fisioterapia quer dizer terapia através de recursos físicos e naturais, como a eletroterapia, a fototerapia, a termo-terapia, a hidroterapia, a cinesioterapia, porém com a maturidade desta profissão foram desenvolvidas técnicas baseadas em conhecimentos da fisiologia, anatomia e cinesiologia. Hoje poderíamos citar o uso de recursos e técnicas em diversas patologias que nos acometem, como as alterações e distúrbios do sistema nervoso central e periférico, distúrbios osteomioarticulares, distúrbios no sistema cardio-pulmonar, circulatório, entre outros. O principal objetivo do serviço de Fisioterapia é prover o paciente com recursos e técnicas no sentido de aliviar a dor, minimizar seqüelas, restaurar funções diminuídas do funcionamento do organismo, oferecendo assim subsídios para reintegração do indivíduo ao meio social. Assim, o fisioterapeuta está apto a atuar em ESFs, Clínicas, Empresas, Hospitais, Instituições (Alisos, APAE, etc.).

Objetivos

Objetivo Geral: O Curso de Fisioterapia tem por objetivo a formação generalista de profissionais fisioterapeutas, aptos a atuarem na Educação para a Saúde, de forma a promover, proteger e recuperar a saúde, integrando ações nos diferentes níveis de forma individual e coletiva, de maneira competente, humanista, ética e inovadora de acordo com os conhecimentos básicos, competências e habilidades necessárias ao exercício do profissional.

Objetivo Específico: Possibilitar a compreensão do indivíduo de forma integral em todas as dimensões de sua humanidade. Oportunizar a apropriação de conhecimentos biológicos, humanos e sociais, bio-tecnológicos e fisioterapêuticos que fundamentem a promoção, proteção, prevenção e recuperação em Fisioterapia. Incentivar e possibilitar a inserção da Fisioterapia no processo histórico-cultural da Atenção à Saúde pela Educação para a Saúde. Sensibilizar para a importância da articulação entre as ações e do princípio da integralidade na Atenção à Saúde. Identificar-se com a Política de Saúde e as Normas sanitárias gerais da Região onde exercer a profissão. Favorecer a apropriação de conhecimentos que possibilitem a produção de alternativas e inovações para novas formas de atuação profissional no âmbito coletivo, hospitalar e clínico. Possibilitar o reconhecimento de que a cultura dos indivíduos, a participação efetiva e concreta na elaboração e desenvolvimento de estratégias em Saúde se constitui na melhor forma de controle sobre sua saúde e sobre o meio ambiente, Fortalecer no Ensino de Graduação uma perspectiva de Iniciação Científica, enquanto um processo contínuo e permanente, subsidiando a formação do cidadão fisioterapeuta. Perfil Profissiográfico: O profissional formado pelo UNIJALES estará sempre alinhado com os preceitos da universidade de promoção da qualidade de vida e construção de uma vivência na qual a Saúde é de vital importância, especificamente através da Educação, deverá, em seu cotidiano de trabalho, garantir a construção de uma consciência acerca de tal tema. Deverá também entender o processo de contato com o paciente como um momento de compreensão do ser humano como um todo integrado a um determinado contexto sócio-político-cultural e econômico, fundador de seu modo de vida. Esse profissional terá desenvolvido um senso ético, crítico, inovador, sensível e respeitador das necessidades histórico-culturais da população, capaz de contribuir para a criação de uma sociedade mais justa, igualitária e saudável, preservando ambientes naturais, utilizando recursos fisioterapêuticos e conhecimentos técnico-científicos, humanísticos e sociais orientados para a Educação à Saúde, com a finalidade de promover, preservar, proteger a condição de vida da população, possibilitando a integridade da saúde do indivíduo.

Habilidade e Competência

O campo de atuação profissional estando em pleno acordo com o perfil traçado pela Comissão de Especialistas do Ensino de Fisioterapia, o profissional a ser formado por essa instituição deverá ter competência para:
a). atuar nos diferentes níveis de Assistência à Saúde, agindo em programas de promoção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, respeitando o ser humano e agindo sempre de acordo com os conhecimentos técnicos e científicos da Fisioterapia;
b). respeitar, em todas as etapas do seu trabalho, os princípios éticos e bioéticos, valorizando o respeito ao cidadão;
c). emitir laudos, pareceres e atestados;
d). agir de forma correta junto ao paciente, prestando esclarecimentos, dirimindo dúvidas e orientando-o e a seus familiares durante todo processo terapêutico;
e). encaminhar o paciente, quando necessário, a outros profissionais trabalhando de forma interdisciplinar junto a outros membros de equipe de Saúde;
f). prestar serviços de consultoria, além de promover atividades de planejamento, organização e gestão de serviços de Saúde Pública ou Privada;
g). refletir, analisar e elaborar criticamente questões científicas e sociais em Saúde implicadas na atuação do Fisioterapeuta, tendo condições de intervir nas áreas de Fisioterapia comunitária, hospitalar e clínica;
h). planejar, atuar, acompanhar e avaliar ações de programas de promoção da saúde, prevenção de doenças e na reabilitação e recuperação do indivíduo, de forma humana, valorizando e respeitando a vida;
i). intervir nos vários níveis de Atenção à Saúde para o desenvolvimento da qualidade de vida de indivíduos e das comunidades;
j). evidenciar senso crítico, investigativo e de autonomia pessoal e intelectual necessário para empreender a contínua qualificação de sua práxis profissional;
k). eleger técnicas, recursos e condutas apropriadas, objetivando tratar os distúrbios no campo do movimento humano, em toda sua extensão e complexidade, estabelecendo prognóstico, reavaliando condutas e decidindo pela alta fisioterapêutica;
l). desenvolver e executar projetos de investigação na área de Saúde, que contribuam na produção do conhecimento, socializando o saber produzido e aplicando-o no cotidiano de sua atuação profissional;
m). acompanhar, incorporar e avaliar inovações científicas e tecnológicas pertinentes à sua prática profissional, sem perder de vista seu compromisso social;
n). atuar multiprofissionalmente, interdisciplinarmente e transdisciplinarmente com extrema produtividade na promoção da saúde baseado na convicção científica, de Cidadania e de Ética;
o). ser capaz de aprender continuamente, tanto em sua formação quanto em sua prática diária, tendo responsabilidade e compromisso com sua educação e a de futuros profissionais.
p). Elaborar e executar projetos;
q). Utilizar o conhecimento socialmente acumulado na produção de novos conhecimentos, tendo a compreensão desse processo a fim de utilizá-lo de forma crítica e com critérios de relevância social;
r). Desenvolver ações estratégicas para diagnóstico de problemas, encaminhamento de soluções e tomada de decisões:
s). Desenvolver idéias inovadoras e ações estratégicas, capazes de ampliar e aperfeiçoar sua área de atuação, preparando-se paIa a inserção num mercado de trabalho em continua transformação;
t). Buscar o conhecimento de forma autônoma.

Av. Francisco Jalles, 1851 - Centro Telefone: (17) 3622-1620